Debates

Alexandre c. dias jr. x hercílio leal – parte iv-a

PARTE IV
3º DEBATE

    Paz de Cristo e Salve Maria!

    Caro irmão Hercílio,

    Percebo que a redação do seu texto está mais bem redigida, embora os delírios, fantasias, preconceitos, erros doutrinários e de exegese bíblica continuem. Dessa vez, o texto está com um ?ar? diferente, nem parece que foi você quem escreveu. Você pediu ajuda para o seu pastor?

    Mas como não sou onipresente, não posso julgar isso, posso apenas confiar em você.

    Dessa vez tentarei ser rápido e rasteiro, pois vejo que você começa a tentar responder às minhas perguntas. Se quiser pular as suas acusações baratas e ultrapassadas e ir direto ao meu comentário das suas respostas, vá para a página 26. Se realmente for fazer isso, antes dê uma olhada na página 2, sobre o que você disse sobre doutrina. Agora está ficando bom!

    Então, vamos lá!

OI ALEXANDRE, A PAZ DE DEUS EM NOME DO SENHOR JESUS!

AMADO, EU ESTOU LENDO SEUS E-MAILS SIM, E RESPONDIDO CONFORME O TEMPO QUE POSSUO, VOCE COMO WEB MASTER TAMBÉM DEVE RECEBER DEZENAS DE E-MAILS POR DIA E FICA UM POUCO COMPLICADO PARA VER CADA DETALHE, ISSO SEM CONTAR AS OUTRAS TAREFAS QUE TEMOS NO DIA A DIA. MAS LEIO SIM, DESCORDO DE QUASE TUDO, MAS LEIO COM RESPEITO E RESPONDO TAMBÉM DO MEU MODO, COMO CREIO E SEMPRE COM RESPEITO TAMBÉM.

    Desculpe-me, mas acho que não. Você insiste em citar trechos bíblicos já comentados por mim, sem se preocupar em defende-los. Você simplesmente repete os mesmos trechos como se eu não os tivesse comentado.

NÃO AMADO, NÃO ESTAMOS UNIDOS CONTRA A “IGREJA” CATÓLICA, TODOS OS CRISTÃOS TEM POR OBRIGAÇÃO LEVAR A VERDADE, E, SE LEVAR A VERDADE É ESTAR UNIDO CONTRA A “IGREJA” CATÓLICA, ENTÃO ESTAMOS.

    Qual verdade? A sua? A dos adventistas? A dos testemunhas de Jeová? Note que estes também se julgam estar de posse da verdade e que todo o restante está errado e, no caso dos adventistas, eles usam a mesma bíblia que você e dizem que você tem a marca da Besta por descansar no domingo.

EU ANALISO AS DOUTRINAS DE OUTRAS IGREJAS EVANGÉLICAS E SOU CONTRA MUITAS COISAS REFERENTES A DOUTRINA, VEJA BEM, REFERENTES A DOUTRINA,

    Agora eu vejo que o problema é mais sério que pensei… Você nem sabe o que é doutrina…

UM EXEMPLO DISSO: SOU TOTALMENTE CONTRA A DOUTRINA QUE ALGUMAS IGREJAS USAM DE HOMEM ENTRAR POR UMA PORTA E MULHER POR OUTRA PORTA, SOU CONTRA, MAS A IGREJA PERMANECE DE DEUS, O FATO DA PORTA NÃO VAI LEVAR NINGUÉM AO CÉU E NINGUÉM AO INFERNO, ISSO É COSTUME, ALGO PARTICULAR DAQUELA IGREJA, MAS EU, MESMO SENDO CONTRA ISSO, VOU NESSAS IGREJAS A ADORO AO SENHOR JESUS DO MESMO MODO QUE ADORO NA MINHA.

    Isso que você citou não é doutrina, é disciplina. A disciplina pode mudar de tempos em tempos dentro de uma mesma religião, mas doutrina não, pois é a doutrina que caracteriza cada religião.

VEJA UM OUTRO EXEMPLO, DESSA VEZ EU DISCORDO DE ALGO DA MINHA PRÓPRIA IGREJA. RESOLVERAM COLOCAR BATERIA NO TEMPLO, EU SOU CONTRA, QUANDO ME PERGUNTAM SE ACHO LEGAL, RESPONDO QUE ACHO RIDÍCULO, MAS EU SOU CONTRA, EU FALO DE MIM, QUEM GOSTA, USA. SEI QUE SE O CORAÇÃO DA PESSOA QUE USA BATERIA PARA O LOUVOR ESTÁ LIMPO E ESSA PESSOA A USA EM SINCERIDADE, ESSE LOUVOR É CHEGADO A DEUS ASSIM COMO O LOUVOR DO MODO QUE SEMPRE USAMOS, QUE PARA MIM É O MODO CORRETO. VOCE PERCEBEU COMO É A COISA, MODOS DIFERENTES, EU NÃO USO O MODO DA BATERIA, OUTROS USAM, MAS TANTO O MODO DELES LOUVAREM, QUANTO AO MEU, SENDO SINCERO, DEUS ACEITA. MAS EU SOU CONTRA ESSE TIPO DE INSTRUMENTO DENTRO DO TEMPLO, PODEMOS DIZER QUE ESSA É “MINHA DOUTRINA” E ESSA “MINHA DOUTRINA” OUTRAS PESSOAS DISCORDAM, E ASSIM VAI. MAS O PRINCIPAL, COISAS GRANDES, NÓS EVANGÉLICOS FALAMOS TODOS UMA MESMA LÍNGUA.

    HAHAHAHA!!!!! Depois de ler isto, dá até vontade de dizer ?Chega, fui!!!?. Mas como Ele me deu uma grande paciência, obviamente bem menor que a de Jó, mas me deu, vou continuar…

    Como vocês, em ?coisas grandes?, falam a mesma língua????

    Será que os itens abaixo são coisas pequenas?

    Vou citar alguns exemplos de doutrinas (e não disciplinas) para mostrar que com a mesma bíblia, num mesmo assunto, cada seita protestante diz uma coisa totalmente diferente da outra seita. Texto em vermelho adaptado de texto de autoria do Dr. Udson Rubens Correia:

    1. Batismo – ?Um fiel evangélico quer mudar de seita? Precisa-se rebatizar? Umas igrejas dizem sim, outras não. Umas admitem o batismo de crianças, outras só de adultos, umas admitem a aspersão, infusão e imersão. Aquela outra só imersão, e mesmo há grupelho que só admite batismo em água corrente e sem cloro! Aqui e ali as fórmulas de batismo são tão variadas como as cores do arco-íris.?

    2. Santa Ceia – ?Há seitas que consideram o pão apenas pão (pentecostais) outras que o pão é realmente o corpo de Cristo (Luteranos, Episcopais e outros). Uns a praticam com pão ázimo, outras com pão comum, aqui com vinho, lá com vinho e água, acolá com suco de uva. A Santa Ceia pode ser praticada diariamente, mensalmente, trimestralmente, semestralmente, anualmente ou não ser praticada nunca.?

    3. Ministério – ?Esta seita constitui Bispos, presbíteros e diáconos. Àquela só presbíteros e pastores, alí pastores e anciãos, lá Bispos e anciãos, acolá presbíteros e diáconos, outras não admitem ministro nenhum. Umas igrejas ordenam mulheres, outras não. E por aí, atiram os evangélicos em todas as solfas quando o assunto é ministério ordenado.?

    4. Juízo – ?Pode um crente questionar seu pastor sobre isto? E as respostas colhidas entre as denominações seriam tão ricas e variadas quanto a fauna e a flora. Há Pastor que prega que todos estarão inconscientes até a vinda de Cristo quando serão julgados; outros pregam o “arrebatamento” sem julgamento; outros, uma vida bem-aventurada aqui mesmo na terra; aqueles lá doutrinam que após a morte já vem o céu e o inferno; no outro quarteirão, se ensina que o inferno é temporário; opinam alguns que ele não existe; e tantas são as doutrinas sobre os novíssimos quanto os pastores que as pregam.?

    5. Matrimônio – ?Está cansado o fiel da esposa da sua juventude? Não tem importância, sempre encontrará uma seita a lhe abrir risonhamente as portas para um novo matrimônio. E de vez em quando não aparece um maluco aqui e ali aprovando a poligamia? Lutero mesmo admitiu tal possibilidade: “Confesso, que não posso proibir tenha alguém muitas esposas; não repugna às Escrituras; não quisera porém ser o primeiro a introduzir este exemplo entre cristãos” ( Luthers M.., Briefe, Sendschreiben (…) De Wette, Berlin, 1825-1828, II. 259 ).?

      Não há uma pesquisa nos Estados Unidos que demonstra que entre os critérios para um evangélico escolher sua nova igreja está o tamanho do estacionamento? Eis o que é hoje o protestantismo.

    Agora só falta você me dizer que isso não é doutrina ou que são coisas pequenas. Você pode até dizer que são pequenas em relação a Deus, mas são ensinamentos Dele e todos nós devemos observá-los e prega-los, como mandou Jesus.

    Com a mesma bíblia:

    • Um diz que o batismo é válido e outro diz que não;

    • Um diz que o pão é o Corpo de Jesus e outro diz que não;

    • Um diz que se deve descansar no sábado e outro no domingo;

    • Um diz que há a possibilidade de um novo matrimônio e outro não;

    • Um admite um tipo de ministério e outro admite outro tipo.

    E cada um destes se diz ser dono da verdade e que os outros estão errados.

    Então, como que os protestantes falam a mesma coisa em ?coisas grandes??

NÃO ALEXANDRE, É DIFERENTE TER NOJO DE UMA RELIGIÃO, OU DE UMA PESSOA. EU DISSE SIM, EU TENHO NOJO DE PASSAR ATÉ EM FRENTE A UMA PARÓQUIA CATÓLICA, E TENHO MESMO, NÃO POSSO MENTIR A VOCE DIZENDO QUE NÃO, SE QUANDO CHEGO PERTO EU SINTO ISSO, MAS COMO VOCE INTERPRETA AS COISAS AO SEU GOSTO, VOCE JÁ DISSE QUE EU TENHO NOJO DE VOCE.

    Estranho… Você fala como se religião fosse algo que tem vida própria, fala, ouve, come, bebe, anda… Por acaso existe alguma religião que não possua fiéis? Toda a religião é composta de bens materiais e pessoas e são as pessoas que fazem as coisas.

    Infelizmente, falando tais coisas, você entra em contradição, pois mais à frente de seu texto você que sou ?cúmplice? da Igreja Católica, e que o simples fato de eu participar dela já me torna culpado. Então, como aqui você pode separar a Igreja de mim e mais à frente dizer que sou cúmplice?

QUANDO EU FALO UMA COISA, EU ASSUMO, EU FALEI QUE TENHO NOJO DE PASSAR ATÉ EM FRENTE, E TENHO MESMO, MAS ISSO NÃO QUER DIZER QUE TENHO NOJO DOS CATÓLICOS, MUITO PELO CONTRÁRIO, AS PESSOAS QUE MAIS AMO, AINDA SÃO CATÓLICAS.

    Por que você escreveu ?AINDA?? Se eles forem católicos conscientes, verdadeiros e não preconceituosos, abertos à única e verdadeira verdade, não se deixarem enganar por falsos pastores, falsos profetas, meias-verdades, confusão e jogo de palavras, eles nunca vão deixar de ser católicos.

HÁ VARIAS IGREJAS EVANGÉLICAS PELO FATO QUE JA COMENTEI ACIMA, CADA UM PENSA DE UM MODO NO TOCANTE A DOUTRINA.

    Como já disse, você nem sabe o que é doutrina… A bíblia ensina apenas uma doutrina de batismo, uma doutrina de matrimônio. Como um pode ter uma doutrina sobre o batismo diferente do outro, por exemplo?

ALIÁS VOCE EM UMA PARTE DO E-MAIL DISSE PARA EU NÃO FICAR ME PREOCUPANDO COM O NOME “CATÓLICO” PARA EU ME PREOCUPAR MAIS EM LEVAR A MINHA “RELIGIÃO” E DEIXAR AS OUTRAS EM PAZ, MAS VOCE MESMO ANDA FALANDO MUITO NAS IGREJAS EVANGÉLICAS, ATÉ MAIS QUE EU, E NISSO SE ESQUECE QUE EM SUA RELIGIÃO TAMBÉM HÁ DIVISÕES, VEJA: EXISTE A “IGREJA” ROMANA, ESSA TRADICIONAL, EXISTEM AS CARISMÁTICAS, E EXISTEM AS BRASILEIRAS.

    Você nem sabe o que é doutrina e como pode dizer que são divisões? Se fossem divisões, não são divisões doutrinárias e sim disciplinares. Mas não são divisões, são apenas movimentos, disciplinas dentro da própria Igreja, que visam uma renovação e não alteração das doutrinas (que são as mesmas a quase dois mil anos). Se você soubesse o que é doutrina, iria verificar que todas esses movimentos ensinam as mesmas coisas (um só batismo, um só matrimônio, uma só Santa Ceia, os sete Sacramentos e etc.), e todas obedecem ao Papa. Se alguma se disser católica e não obedecer ao Papa, não é católica. Obedecer ao Papa significa obedecer a uma só doutrina numa unidade, e não numa desordem. É necessário que haja um líder para definir o que é a verdade, porque senão, vira bagunça. Como disse certa vez Santo Agostinho, ?Roma locuta est, causa finita est?. Mas no protestantismo, infelizmente, cada um é sua própria igreja, cada qual com sua doutrina, diferente da do outro, retirada do mesmo trecho bíblico. É que os protestantes, ou se esqueceram ou não leram na bíblia a Revolta de Coré (ou Corá) em Números 16, onde se narra justamente o que vem acontecendo: uma parte do povo diz que não precisa de sacerdote (na bíblia, Moisés) e foram todos mortos (14700 + 250).

SABEMOS QUE OS 3 EXEMPLOS SÃO E FORMAM UMA MESMA “IGREJA”, A ROMANA, MAS HÁ DIVISÕES.

    Divisões disciplinares sim, doutrinárias não.

UMA CERTA VEZ, NO RÁDIO, ESTAVA HAVENDO UM TIPO DE DEBATE SOBRE AS RELIGIÕES NO BRASIL, HAVIA UM BISPO DA IGREJA CATÓLICA DIZENDO SER TOTALMENTE CONTRA O MOVIMENTO CARISMÁTICO, ELE DISSE QUE RESPEITAVA, MAS QUE AO VER DELE, NÃO ERA ASSIM O MODO CERTO DE LEVAR AS PESSOAS AO CATOLICISMO. HAVIA TAMBÉM UMA PESSOA CATÓLICA, NÃO LIGADA A IGREJA, MAS PARTICIPANTE DO MOVIMENTO CARISMÁTICO, QUE SENDO PARTICIPANTE,ERA TOTALMENTE A FAVOR.

    Você está vendo o que escreveu? Você mesmo escreveu ?MOVIMENTO CARISMÁTICO?, que na verdade é a Renovação Carismática e não igreja carismática. Isso é só para mostrar que você não sabe nada a respeito da Igreja Católica. Você cria um fantoche do que ACHA que a Igreja Católica é e diz que é a Igreja Católica é isso e aquilo. Como eu já havia dito anteriormente, São Francisco de Assis também criou um certo tipo de movimento para a renovação da Igreja e para tanto, não foi necessária uma separação. Pergunte a alguém da Renovação Carismática quantos são os sacramentos e se obedecem ao Papa, por exemplo.

    Se alguém responder diferente de, respectivamente, sete e sim, não são católicos. Para terminar, a Renovação Carismática não é uma ?outra igreja?.

OUTRAS SÃO AS “IGREJAS” CATÓLICAS BRASILEIRAS, ELES NÃO SÃO LIGADOS A ROMA, MAS NEM POR ISSO DEIXAM DE SER CATÓLICOS, CREEM EM TUDO QUE OS CARISMÁTICOS E OS CATÓLICOS TADICIONAIS CREEM, NÃO SÃO ELES ENTÃO CATÓLICOS?

    Se não obedecem ao Papa, não são. Dizem-se católicos, mas são apenas no nome. Você não conhece a Igreja Católica Ortodoxa? Eles crêem em tudo que os Católicos Romanos crêem, mas não obedecem ao Papa, o legítimo sucessor de Pedro, tanto bíblica quanto historicamente.

SIM , SÃO MAS COM DIFERENÇAS DOUTRINÁRIAS, MAS SÃO CATÓLICOS. SE ALGUMA PESSOAS DESSES 3 MOVIMENTOS CATÓLICOS PRECISAREM COLOCAR A RELIGIÃO EM UMA PESQUISA DO IBGE POR EXEMPLO, ELAS COLOCARÃO: “RELIGIÃO CATÓLICA” CERTO?

    Mas, como já disse, não existem diferenças doutrinárias entre os que obedecem a Roma e até podem colocar ?católico? numa pesquisa, mas é somente da boca pra fora.

E CATÓLICO É CATÓLICO.

    O verdadeiro católico é aquele que estuda e sabe, no mínimo, o essencial da Igreja Católica.

SE UMA PESSOA EVANGÉLICA PARTICIPAR DA MESMA PESQUISA, ELA RESPONDERÁ: “RELIGIÃO EVANGÉLICA” E EVANGÉLICO É EVANGÉLICO.

    Eu não conhecia a ?religião evangélica?… conhecia a religião luterana, presbiteriana, anglicana, cuspe de Jesus (isso é sério, existe mesmo! Encontrei numa página evangélica!) e etc…

VOCE SE REFERIU SOBRE A MINHA CONTRADIÇÃO NO TOCANTE A “LIVRE EXAME” DA BÍBLIA E “LIVRE INTERPRETAÇÃO”. PODE SER QUE EU TENHA ESCRITO DE UM MODO QUE VOCE NÃO TENHA ENTENDIDO, VOU COMENTAR CADA UMA PARTE DESSAS, PARA QUE DE UMA VEZ VOCE ENTENDA O QUE EU QUIS DIZER DAS OUTRAS VEZES.

LIVRE EXAME : É O DIREITO DE CADA PESSOA DE TER EM SUA CASA AS SAGRADAS ESCRITURAS E EXAMINAR NO DIA, E NA HORA QUE QUISER, LEVAR PARA ONDE QUER, SER LIVRE, LIBERDADE DE EXAME. ASSIM COMO VOCE TEM O DIREITO DE EXAMINAR A SUA, EU TENHO O MESMO DIREITO DE EXAMINAR A MINHA E ESE DIREITO É PARA TODO O SER HUMANO, EM QUALQUER PARTE DO PLANETA, CONCORDA ? JOÃO 5 39 Examinais as Escrituras, porque julgais ter nelas a vida eterna; e são elas que dão testemunho de mim;

    Isso que você falou é exame livre, não livre exame.

    A Igreja Católica nunca proibiu a leitura da bíblia e há documentos provando isso sim. Ora, se há documentos em Roma sobre a Inquisição e estão disponíveis a todos os interessados, por que não haveria sobre a ?proibição?? A proibição era da leitura de bíblias vernáculas, excelente caminho para os hereges da época infiltrarem suas heresias, como fez Lutero posteriormente, incluindo a palavra ?allein? (?somente?) onde ela não existe para dar a entender o que hoje todos os protestantes crêem: apenas a fé salva. Para quem soubesse ler (e eram muito poucos) a bíblia estava disponível para leitura e para quem soubesse escrever, estava disponível também para a cópia, pois A MÁQUINA DE IMPRIMIR AINDA NÃO HAVIA SIDO INVENTADA POR GUTENBERG.

    Quanto ao trecho bíblico, já o comentei em minha primeira resposta e você simplesmente tornou a cita-lo, como se eu não o tivesse comentado. Você tem certeza que leu TUDO o que eu escrevi? Mas você pode notar que quem ?julga? haver a vida eterna nas escrituras são os fariseus e não Jesus. Na continuação, Jesus os adverte que as escrituras apenas dão testemunho Dele e que já que os fariseus acham isso (julgam), que então olhem (examinem) as escrituras para ver o que Jesus disse. Mas os fariseus achavam que as escrituras eram maiores que Jesus e Jesus os manda ir às escrituras e não a Ele.

    O que Lutero ensinou foi o Livre Exame e não o exame livre. De acordo com Lutero, ninguém precisa de ninguém para ler as escrituras. E isso foi algo que você já me falou…

    Lutero, num raro momento de sã consciência, chegou a perceber a desgraça que fez e comentou:

    • ?Este não quer o batismo, aquele nega os sacramentos; há quem admita outro mundo entre este e o juízo final, quem ensina que Cristo não é Deus; uns dizem isto, outros aquilo, em breve serão tantas as seitas e tantas as religiões quantas são as cabeças” (Luthers M. In. Weimar, XVIII, 547; De Wett III, 6l).?

    • ?Se o mundo durar mais tempo, será necessário receber de novo os decretos dos concílios (católicos) a fim de conservar a unidade da fé contra as diversas interpretações da Escritura que por aí correm” (Carta de Lutero à Zwinglio In Bougard, Le Christianisme et les temps presents, tomo IV (7), p. 289).?

      (Trechos extraídos do texto do Dr. Udson Rubens Correia)

    Você vai contrariar o que o próprio criador do ?Livre Exame? confessa? Que ?Livre Exame? é igual a livre interpretação, que sua vez é diferente de exame livre? E isso pode ser encontrado nos livros citados nos trechos em vermelho.

LIVRE INTERPRETAÇÃO: EU SOU A FAVOR DA LIBERDADE, COMO VOCE JÁ DEVE TER PERCEBIDO, E INTERPRETAR É DAR UM COMENTÁRIO, É TER UMA VESRÃO DE DETERMINADO FATO. SE TODA INTERPRETAÇÃO É CERTA? NÃO, MAS TODOS TEMOS O DIREITO DE INTERPRETAR. 1 CORÍNTIOS 14 26 Que fazer, pois, irmãos? Quando vos congregais, cada um de vós tem salmo, tem doutrina, tem revelação, tem língua, tem interpretação. Faça-se tudo para edificação.

    O seu próprio comentário e o trecho bíblico citado apenas serviram para enterrar de uma vez as suas idéias. O direito de interpretar você tem sim, mas de dizer que sua interpretação é a correta, não tem não. Por que? Como você pode saber se está certo se tem apenas a bíblia como regra? Lembre-se que outros, num mesmo trecho bíblico, interpretam uma outra doutrina e dizem estar certos e você errado…

    E com relação ao trecho, note que está todo no singular, com destaque a:

    ?… tem doutrina…? e não doutrinas (uma só para o batismo, uma só para o matrimônio e etc.)

    ?… tem interpretação? e não interpretações.

    Com certeza você vai comentar o ?… cada um de vós…?. Ele simplesmente omitiu os artigos e nunca quis dizer que cada um tinha uma interpretação diferente.

    Com relação a isso, ele mesmo diz em 1Cor 1,11-13

    ?Pois a respeito de vós, irmãos meus, fui informado pelos da família de Cloé que há contendas entre vós. Quero dizer com isto, que cada um de vós diz: Eu sou de Paulo; ou, Eu de Apolo; ou Eu sou de Cefas; ou, Eu de Cristo. Será que Cristo está dividido? Foi Paulo crucificado por amor de vós? Ou fostes vós batizados em nome de Paulo??

EM PRIMEIRO LUGAR NÃO TENHO FALTA DE HUMILDADE, POIS QUANDO EU FALO DE SALVAÇÃO, FALO QUE ESSA ESTÁ ABERTA A TODOS, É DOM DE DEUS E É PARA TODOS, AO CONTRÁRIO DE SUA RELIGIÃO QUE DIZ: “FORA DA “IGREJA” CATÓLICA NÃO HÁ SALVAÇÃO”

    São Paulo escreveu a Timóteo: “A Igreja é a Coluna e o Fundamento da Verdade” (1Tm 3:15). Note que São Paulo diz que a Igreja é coluna e fundamento da verdade, não as escrituras, pois ela pode ser usada por e para o mal, como o Diabo fez com Jesus no deserto, que comentarei mais adiante.

E SOBRE EU CONDENAR QUEM PENSA DIFERENTE DE MIM, É MENTIRA SUA, EU NÃO SOU JUIZ, NUNCA CONDENEI NINGUÉM, EU APONTEI O QUE TA ERRADO, E VOU CONTINUAR MOSTRANDO

    Apontou o que está errado para você. Como exemplo mais radical, cito os adventistas. Eles apontam que nós que cremos ter de descansar no sábado estamos errados. E eles usam a mesma bíblia sua. Para eles, você tem a marca da Besta.

SE NÃO PROVÉM DE DEUS TAIS INTERPRETAÇÕES, COISAS ATÉ COMICAS, COMO A QUE VOCES CHAMAM DE “SANTA” QUE FOI ACAHADA NUM RIO SEM A CABEÇA, ÓRA, ISSO É FAZER DAS PESSOAS PALHAÇAS EM ACREDITAR EM COISAS DESSE TIPO, ENTÃO O QUE NÓS CRISTÃOS FAZEMOS? LEVAMOS A PESSOA A VERDADE, SÓ ISSO.SOU A FAVOR DA LIVRE INTERPRETAÇÃO, SER A FAVOR NÃO QUER DIZER QUE CONCORDO COMS AS INTRPRETAÇÕES

    Eu também concordo com a livre interpretação, mas não da bíblia. Qualquer texto pode ser interpretado. Com sua declaração, você desobedece explicitamente a 2Pd 1,20 ?… sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação?.

    Você é a favor da livre interpretação e, causa finita, desobedece à bíblia que tanto ?ADORA?.

SE VOCE INTERPRETOU OS TEXTOS DO SITE E CHEGOU A CONCLUSÃO QUE EU CONDENO A “IGREJA” CATÓLICA, É MAIS UM DIREITO SEU DE LIVRE INTERPRETAÇÃO, NESSE CASO, INTERPRETAÇÃO DO TEXTO, OU DOS TEXTOS DE UM SITE, VEJA, O MESMO TEXTO QUE PARA VOCE É CONDENAR SUA “IGREJA”, PARA OUTRAS PESSOAS DE SUA MESMA RELIGIÃO É UMA PORTA ABERTA PARA CHEGAR A DEUS. ASSIM COMO UNS CRITICAM, COMO VOCE ME CRITICOU, AINDA BEM QUE NO SEU CASO FOI UMA CRÍTICA MAIS OU MENOS EDUCADA, MAS HÁ AQUELES QUE ESCREVEM CADA COISA… E EXISTEM OUTROS QUE AGRADECE POR TER SE ABERTO ESSE SITE.

    Como eu já disse, realmente é um direito de qualquer a livre interpretação de qualquer texto, menos da bíblia porque nela mesma está escrito que não devemos interpreta-la livremente.

EU, EM NENHUM MOMENTO DISSE QUE INFABILIDADE É A MESMA COISA QUE IMPECABILIDADE. SEGUNDO O DICIONÁRIO, INFABILIDADE: QUALIDADE DO QUE É INFALÍVEL, E SEGUNDO O MESMO DICIONÁRIO, INFALÍVEL É: NÃO FALÍVEL; QUE NÃO PODE FALHAR; QUE NUNCA SE ENGANA…

    E quem disse que o Papa NUNCA se engana? Ele é infalível em apenas um determinado momento e no exercício de sua função.

ÓRA ALEXANDRE, AÍ JÁ É O CÚMULO DA IGNORANCIA DIZER QUE O PAPA NUNCA SE ENGANA, QUE ELE NÃO PODE FALHAR, MAS INTELIGENTEMENTE, UMA PESSOA QUE NÃO SE ENGANA, QUE NÃO PODE FALHAR, AUTOMATTICAMENTE NÃO TEM PECADOS, SIM, POR QUE O PECADO É UM TIPO DE FALHA, DE FRAQUEZA DO SER HUMANO, O PAPA FALHA SIM, SÓ UM ESTÚPIDO DIZ QUE NÃO

    Realmente só um estúpido, alguém que não sabe nada sobre infalibilidade e acha que sabe, diz que o Papa NUNCA se engana. Por exemplo, em todo o pontificado do Papa João Paulo II, ele deu apenas uma declaração infalível (sobre a impossibilidade de ordenação de mulheres), enquanto outros Papas NUNCA fizeram nenhuma declaração infalível. Estude um pouco sobre a Infalibilidade Papal e não fique nos ?achismos?, blasfemando contra o que não entende e acha que entende.

OU ENTÃO SERÁ QUE OS PAPAS DE OUTRAS ÉPOCAS QUE MANDARAM MATAR TANTAS PESSOAS FIZERAM ESSES ATOS E MESMO ASSIM SÃO INFALÍVEIS?

    Estranho… Num momento você diz que foi a religião católica que mandou matar, agora diz que foram os Papas (e os Papas são seres humanos e erram)…

    Mais uma vez, a infalibilidade ocorre em apenas um determinado momento.

ENTÃO VOCE DIZENDO ISSO, QUE OS PAPAS SÃO INFALÍVEIS, INDIRETAMENTE CONCORDA COM O MASSACRE DE MILHARES DE PESSOAS.

    Quem mandava matar era o Estado, nos seus interesses. Na época, o Estado se metia em tudo, até na ordenação sacerdotal, algo terminado com a Contra Reforma. Mas isso é algo que seu preconceito cego não vai deixar ver…

ENTÃO VOCE QUER DIZER QUE NO LIVRO DE APOCALIPSE NÃO SE PODE RETIRAR E NEM POR, COMO LÁ MESMO DIZ, MAS QUE NOS RESTANTES PODEM?

    Eu afirmei que pode? Quem concluiu isso foi você. Você é quem julga que a lista por você mesmo citada são acréscimos. Lembre-se que quem acrescentou algo foi Lutero. Mas tudo aquilo da lista está na bíblia sim, mas a trave no seu olho impede que veja.

    Eu apenas quis mostrar um exemplo de pretexto criado por texto fora de contexto, coisa bem comum entre vocês protestantes (é claro que existem protestantes de boa vontade que apenas seguem o que os fundadores de suas seitas dizem).

    Você quis aplicar às outras escrituras um trecho bíblico que só se aplica ao livro do Apocalipse para ?punir? os ?acréscimos?. Como já disse anteriormente, não são acréscimos, mas apenas confirmações do que já era usual e que estão na bíblia.

E EU NÃO DISSE QUE OS ACRÉSCIMOS FORAM FEITOS NO LIVRO DE APOCALIPSE.

    Eu sei que não, mas mesmo assim usou um trecho bíblico somente aplicável ao Apocalipse.

E PARA COM ESSA MANIA QUE VOCE ENCONTRA DE TENTAR (EM VÃO) DESFAZER DE MIM, EU FALO O MODO COMO CREIO, DEUS REVELA EM MEU CORAÇÃO E EU FALO.

    Perdoe-me, mas não é minha intenção desfazer de você. E como você sabe que é Deus quem revela em seu coração o que você crê? Os testemunhas de Jeová dizem que o que crêem é revelado por Deus no coração deles; os adventistas idem; os mórmons idem; enfim, todos dizem ter revelação de Deus no coração. Se você tem apenas a bíblia como regra de fé, como sabe que o que crê é revelado por Deus? Como você tem a certeza de que não é o Diabo, se sabemos que ele pode se disfarçar em espírito de luz (Lúcifer) e enganar até mesmo os eleitos se fosse possível (vemos que os espíritas crêem em espíritos de luz), como está escrito em Mt 24,23 ?Se, pois, alguém vos disser: Eis aqui o Cristo! ou: Ei-lo aí! não acrediteis; porque hão de surgir falsos cristos e falsos profetas, e farão grandes sinais e prodígios; de modo que, se possível fora, enganariam até os escolhidos?.

    Note que até o Diabo conhece as escrituras e as usou contra Jesus em Mt 4, 5-6:

    ?Então o Diabo o levou à cidade santa, colocou-o sobre o pináculo do templo, e disse-lhe: Se tu és Filho de Deus, lança-te daqui abaixo; porque está escrito: Aos seus anjos dará ordens a teu respeito; e: eles te susterão nas mãos, para que nunca tropeces em alguma pedra?.

    Como você sabe que o Diabo não está fazendo isso com você?

NUNCA FUI BOM E PORTUGUÊS E MATEMÁTICA, CONFESSO, SEMPRE GOSTEI MAIS DE QUIMICA

    Finalmente temos algo em comum!!! A química é uma de minhas paixões e graças a Ele e se Ele quiser, agora em junho me formarei Engenheiro Químico. E não é por isso que vou negligenciar o Português, a História, a Biologia e etc.

MAS TAMBÉM NÃO ESTOU AO PONTO DE SER CONSIDERADO UM “NÃO-EDUCADO”. NA VERDADE VOCE VE O QUE QUERO DIZER, ATÉ ENTENDE, MAS NÃO QUE ENXERGAR.

    É claro que entendo e enxergo. Nunca disse que você é um semi-analfabeto, e como você mesmo acabou de confessar, nunca foi bom em português. Ninguém é perfeito e ninguém é bom em tudo. Eu, por exemplo, já estudei contabilidade e quem disse que fui bem? Eu fui um desastre!!! O que eu quis dizer até agora (e você admitiu, parabéns!) é que como alguém que não é bom em português pode achar que leu a bíblia, que é um texto complicadíssimo, cheio de figuras de linguagem, expressões usadas na época e etc, e entendeu tudo? E você não pode dizer que foi Deus quem revelou no seu coração, pois os mórmons, testemunhas de Jeová, adventistas e etc. dizem o mesmo em relação a eles. E, além disso, eles afirmam ser evangélicos, queira você ou não.

ESPERO QUE ESSE SEJA O MEU ULTIMO COMENTÁRIO A ESSE RESPEITO. ALEXANDRE, A IGREJA QUE JESUS FUNDOU NÃO É UMA INSTITUIÇÃO, NÃO É UM MONOPÓLIO. ELE DISSE: “ÍDE POR TODO MUNDO E PREGAI O EVANGELHO A TODA A CRIATURA” SE EU FIZER ISSO QUE ELE MANDOU, EU ESTOU CUMPRINDO A SUA PALAVRA DE EVANGELIZAR, ENTÃO PESSOAS IRÃO CONHECE-LO, E ACEITÁ-LO, ALÍ FORMAREMOS UMA COMUNIDADE, UMA IGREJA, A IGREJA DE JESUS. A IGREJA DE JESUS NÃO É UMA EMPRESA, NÃO É UMA INSTITUIÇÃO DE “PODER”, ELE, O SENHOR JESUS DISSE: MATEUS 18 20 Pois onde se acham dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.

    Por favor, não tire o texto fora do contexto. Texto fora de contexto é pretexto…

    Se você ler o que vem antes, você lerá que Jesus se refere aos apóstolos, como se tivesse dizendo ?dois ou três apóstolos (ou legítimos sucessores) reunidos em meu nome…?

ENTÃO ISSO MEU AMADO, NINGUÉM PODE IMPEDIR, NÃO HAVERÁ “LEIS” DITAS POR SUA RELIGIÃO QUE IMPEDIRÁ ESSE ACONTECIMENTO, DE DUAS PESSOAS REUNIDAS EM NOME DO SENHOR JESUS, E ALÍ ELE ESTARÁ, QUEM IMPEDIRÁ? NINGUÉM. A IGREJA DO SENHOR JESUS FOI FUNDADA POR ELE MESMO.

    Realmente a Igreja Católica Apostólica Romana foi fundada por Ele…

TODA PESSOA QUE O ACEITA DE CORAÇÃO FAZ PARTE DA IGREJA DELE, MESMO NÃO INDO EM TEMPLO ALGUM, SE A PESSOA O TEM DE FATO E DE VERDADE NO CORAÇÃO, ESSA PESSOA FAZ PARTE DA IGREJA QUE O SENHOR JESUS FUNDOU.

    Jesus não diz ser tão fácil assim… Veja o que Ele mesmo diz em Mt 7, 13-14:

    ?Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; e porque estreita é a porta, e apertado o caminho que conduz à vida, e poucos são os que a encontram?.

PARA MIM LER O QUE VOCE ESCREVE É A COISA MAIS SUJA DO MUNDO EM DIZER QUE A MINHA IGREJA “SAIU” DA SUA.

    Pode ser para você, mas é o que a História diz. Sua seita saiu sim, INDIRETAMENTE, mas saiu. Ou Lutero era ateu?

HOUVE SIM, UMA REFORMA, ONDE UMA PESSOA EXAMINANDO A BÍBLIA.

    Interpretando a seu próprio modo e dizer, como fizeram e fazem os que vieram depois dele…

PERCEBEU QUE A SALVAÇÃO VEM POR OBRA E GRAÇA DO SENHOR JESUS, QUE NÃO ERA PARA SE COBRAR COMO A RELIGIÃO CATÓLICA COBRAVA.

    Outra vez a estória da cobrança e o preconceito com relação àquilo que não entende e acha que entende. Parece até aluno de escola que odeia matemática porque não a entende…

QUE A SALVAÇÃO ERA PARA TODOS.

    A salvação é para todos, ou seja, está disponível para todos. Basta querermos.

QUE SÓ BASTAVA ACEITAR AO SENHOR JESUS E VIVER UMA VIDA LIMPA PERANTE ELE.

    O que seria uma vida limpa para você? Para Lutero, a poligamia era normal…

    E onde você viu na bíblia que BASTA APENAS aceitar Jesus? Em At 16,31 está escrito:

    ?Responderam eles: Crê no Senhor Jesus e serás salvo, tu e tua casa?.

    Pergunto-lhe onde está o ?SÓ/BASTA/APENAS/SOMENTE??

    Há várias passagens da bíblia, além dessa é claro, onde está escrito ?faça isso e será salvo?. Vejamos algumas:

    • Perseverar até o fim (Mt 24,13): ?Mas quem perseverar até o fim, esse será salvo?.

    • Ser batizado (Mc 16,16): ?Mas quem perseverar até o fim, esse será salvo?. Hehe, e não é que há evangélicos que negam a eficácia do batismo?

    • Ser membro da única e verdadeira Igreja (At 2,46-47): ?E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam com alegria e singeleza de coração, louvando a Deus, e caindo na graça de todo o povo. E cada dia acrescentava-lhes o Senhor os que iam sendo salvos?. Por que a única e verdadeira Igreja? , pois é a única que ensina TUDO o que Jesus ensinou, mesmo que não estejam na bíblia (Jo 21,25).

    • Confessar os pecados: 1Jo 1,9 ?Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça?. E onde está o objeto indireto da primeira oração? Note que o verbo ?confessar?, nesta oração, possui apenas o objeto direto ?os nossos pecados?. Quem confessa, confessa o que? ?os pecados?.

      E o objeto indireto? Quem confessa, confessa algo a quem? Isto não está escrito. Note que se você retirar a vírgula e incluir um ?a ele?, aí sim faria sentido dizer que devemos confessar nossos pecados diretamente a ele. A oração ficaria ?Se confessarmos os nossos pecados a ele, ele é fiel e justo…? Note também que não está escrito diretamente a Ele porque Ele é Onipresente, Onisciente e Onipotente e, por isso, já conhece os nossos pecados… E onde está a resposta para a pergunta ?confessar os pecados a quem??? Está em Tiago 5,16 ?Confessai, portanto, os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados. A súplica de um justo pode muito na sua atuação?. Veja, aí está parte da resposta: ?… UNS AOS OUTROS…? Por que parte da resposta? Essa passagem pode nos levar a concluir que devemos confessar os nossos pecados a qualquer um. Mas não a qualquer um. Então a quem? O complemento para essa passagem está em Jo 20, 21-23:

      ?Disse-lhes, então, Jesus segunda vez: Paz seja convosco; assim como o Pai me enviou, também eu vos envio a vós. E havendo dito isso, assoprou sobre eles, e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo. Àqueles a quem perdoardes os pecados, são-lhes perdoados; e àqueles a quem os retiverdes, são-lhes retidos?. Então, o complemento da resposta é confessar os pecados aos apóstolos, pois Jesus deu este poder a eles. Uma outra passagem que confirma que os pecados devem ser confessados a quem tem o poder de perdoa-los, em nome de Jesus, está em At 19, 18 ?E muitos dos que haviam crido vinham, confessando e revelando os seus feitos?. E os feitos confessados eram os pecados, como pode ser visto no versículo 19. Como se pode notar, os arrependidos se deslocavam (vinham), provando que se a confissão devia ser feita a alguém com o poder que Jesus deu. Ora, se fosse para se confessar diretamente a Deus, por que eles tinham que se deslocar? Oh! E agora? Os apóstolos já morreram! Então, como faço? É bem lógico. Os apóstolos fizeram sucessores e esses sucessores fizeram outros sucessores, até o dia de hoje, como se pode provar em 2Tim 2, 2: ?… e o que de mim ouviste de muitas testemunhas, transmite-o a homens fiéis, que sejam idôneos para também ensinarem os outros?. Timóteo era um dos doze apóstolos? É claro que não. Mas recebeu os poderes e foi exortado a transmiti-los a outros. E hoje, quem tem este poder? Ou você acha que o trabalho dos apóstolos acabou porque as pessoas daquela época precisavam de perdão mais do que nós? Hoje, quem tem esse poder são os sacerdotes da Igreja Católica Apostólica Romana, pois é a única que ensina exatamente tudo isso. Com certeza você vai rir disto, mas não há problema, porque vi que você ri de tudo o que não entende…

    • Cumprir os Mandamentos;

    • Ouvir a Pedro, o Papa (At 15,7): ?E, havendo grande discussão, levantou-se Pedro e disse-lhes: Irmãos, bem sabeis que já há muito tempo Deus me elegeu dentre vós, para que os gentios ouvissem da minha boca a palavra do evangelho e cressem?.

      Veja, já naquela época havia discussão e alguém, aqui presente na Terra, deveria dar a palavra final. O primeiro foi Pedro, pois Jesus confiou Seu rebanho a ele (Jo 21, 15-17): ?Depois de terem comido, perguntou Jesus a Simão Pedro: Simão Pedro: Simão, filho de João, amas-me mais do que estes? Respondeu-lhe: Sim, Senhor; tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta os meus cordeirinhos. Tornou a perguntar-lhe: Simão, filho de João, amas-me? Respondeu-lhe: Sim, Senhor; tu sabes que te amo. Disse-lhe: Pastoreia as minhas ovelhas. Perguntou-lhe terceira vez: Simão, filho de João, amas-me? Entristeceu-se Pedro por lhe ter perguntado pela terceira vez: Amas-me? E respondeu-lhe: Senhor, tu sabes todas as coisas; tu sabes que te amo. Disse-lhe Jesus: Apascenta as minhas ovelhas?.

      Mas Pedro morreu. Quem o sucedeu, pois não podia parar por aí? São Lino. É, aquele mesmo da passagem de 2Tim 4,21 ?Apressa-te a vir antes do inverno. Saúdam-te Êubulo, Pudente, Lino, Cláudia, e todos os irmãos?. E quem hoje tem essa autoridade de palavra final? O Papa João Paulo II. É claro, muita gente desobedece, incluindo vários católicos. Talvez você ria novamente, mas, enfim…

    • Comer a Carne e beber o Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo (Jo 6, 51-58): ?Eu sou o pão vivo que desceu do céu; se alguém comer deste pão, viverá para sempre; e o pão que eu darei pela vida do mundo é a minha carne. Disputavam, pois, os judeus entre si, dizendo: Como pode este dar-nos a sua carne a comer? Disse-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: Se não comerdes a carne do Filho do homem, e não beberdes o seu sangue, não tereis vida em vós mesmos. Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia. Porque a minha carne verdadeiramente é comida, e o meu sangue verdadeiramente é bebida. Quem come a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele. Assim como o Pai, que vive, me enviou, e eu vivo pelo Pai, assim, quem de mim se alimenta, também viverá por mim. Este é o pão que desceu do céu; não é como o caso de vossos pais, que comeram o maná e morreram; quem comer este pão viverá para sempre?. Note que o verbo grego usado antes dos judeus se espantarem significa ?comer?. Depois que Jesus percebeu que os judeus se espantaram, ele confirmou dizendo que a Carne dele É VERDADEIRAMENTE COMIDA e o Sangue É VERDADEIRAMENTE BEBIDA, Jesus não disse REPRESENTA. E o que é pior, dessa vez ele usou outro verbo grego que quer dizer ?mastigar, dilacerar, triturar com os dentes?. Em 1Cor 10,16, São Paulo pergunta a todos que ainda duvidam disso: ?Porventura o cálice de bênção que abençoamos, não é a comunhão do sangue de Cristo? O pão que partimos, não é porventura a comunhão do corpo de Cristo??. Mas como os judeus de antigamente, você ainda se pergunta e nega: ?Como pode este dar-nos a sua carne a comer??, conclui por sua própria conta que é impossível e então julga que é apenas um símbolo.

    É claro que as explicações foram bem superficiais, podendo ser bem mais profundas. A sua seita ensina tudo isso? É claro que não. Somente a Igreja Católica Apostólica Romana ensina e é por isso que fora dela não há salvação. Porque se em um ponto da bíblia está escrito ?faça isso e será salvo? e em outro ponto também, porém se referindo a outra coisa, é mais que óbvio que devemos fazer as duas coisas, pois o caminho é estreito.

TE-LO SOMENTE ELE COMO SENHOR ETC… ENTÃO AMADO, ESSAS VERDADES QUE VIERAM A TONA NÃO FORAM ESCRITAS POR LUTERO, NÃO, ELE APENAS REVELOU O QUE JÁ EXISTIA, MAS QUE NÃO PODEIA SER CONHECIDO, ELE NÃO FUNDOU UMA IGREJA, ELE FOI PREGAR O EVANGELHO, ELE FEZ O “IDE” QUE O SENHOR JESUS MANDOU. É INTELIGENTEMENTE, É ÓBVIO QUE PARA PREGAR O EVANGELHO, TEMOS QUE TER UM LOCAL PREPARADO, TEMOS QUE CONSTRUIR TEMPLOS. EDIFICAR UM TEMPLO, NÃO QUER DIZER FUNDAR UMA RELIGIÃO, UMA IGREJA. FUNDAMOS A CASA, MAS O EVANGELHO É O MESMO PREGADO PELO SENHOR TODO PODEROSO, O SENHOR JESUS. AGORA, ISSO VOCE NÃO ENTENDE, SE É POR QUE A CEGUEIRA DO CORAÇÃO ATRAPALHA, NÃO SEI, NÃO O POSSO JULGAR, MAS CHEGA DE MENTIR EM RELAÇÃO A IGREJA CRISTÃ.

    Como o evangelho pregado é o mesmo? O evangelho dos batistas prega que o batismo não é eficaz, o evangelho dos adventistas prega o descanso no sábado, o evangelho de uma outra seita prega a possibilidade de segundas núpcias e etc., e etc., e etc…

MAIS UMA INVERDADE SUA. NÃO CREIO EM MAIS DE UM CRIADOR, CREIO NO ÚNICO DEUS, O QUE FEZ OS CÉUS E A TERRA E ENVIOU O SENHOR JESUS, CREIO NESSE DEUS. QUANDO ME REFIRO A deuses, NÃO QUER DIZER QUE ACREDITO NA EXISTENCIA DELES, PELO CONTRÁRIO, SÃO LENDAS INVENTADAS POR RELIGIÕES.PELA SUA POR EXEMPLO.

    Santo Agostinho (e não deus Agostinho) foi uma lenda?

    São Tomás de Aquino (e não deus Tomás de Aquino) foi uma lenda?

    São Jerônimo (e não deus Jerônimo) foi uma lenda?

    São Francisco de Assis (e não deus Francisco de Assis) foi uma lenda?

    A Santíssima Virgem Maria (e não deusa Maria) foi uma lenda?

    Isso é dor de cotovelo de quem talvez nunca chegará aos pés da santidade dessas pessoas, sendo perfeito como o Pai é perfeito…

(JR 10:11) “Assim lhes direis: Os deuses que não fizeram os céus e a terra desaparecerão da terra e de debaixo deste céu.”

SEI MUITO BEM QUE NÃO EXISTE “2 DEUSES”, SÓ HÁ UM. MAS AS PESSOAS GERALMENTE FAZEM OUTROS, SUA RELIGIÃO NESSE ASPECTO GANHA DE TODAS AS OUTRAS, VOCE POSSUEM deuses INVENTADOS POR VOCES MESMOS PARA TUDO. A BÍBLIA NOS AFIRMA QUE : (JR 10:8) “Mas eles todos se embruteceram e tornaram-se loucos; ensino de vaidade é o madeiro.” OU SEJA, A BÍBLIA OS CHAMAM DE LOUCOS, POR QUE UMA PESSOA UM POUCO MAIS INTELIEGENTE NÃO FARIA PARA SI UM deus DE UMA ARVORE, E DA MESMA ARVORE LENHA PARA SE AQUECER, E PARA COZINHAR, OU SEJA, DA MESMA ARVORE SE FAZ UM deus E DA MESMA ARVORES SE APROVEITA DA MADEIRA PARA OUTROS FINS, ISSO É LOUCURA, A BÍBLIA É BEM CLARA, MAS ESSE deus FEITO POR VOCES, SÃO PARA VOCES MESMOS deus PARA NÓS CRISTÃOS SABEMOS QUE NÃO.

    É, considerando tudo o que você já disse, posso concluir:

    Você acha que é Deus porque insiste em afirmar que adoro bonecos, como se pudesse ver meu coração, enquanto que o que faço é respeitar quem é representado pelas imagens…

    Você afirma que a serpente de bronze é um deus ou então é um mau exemplo de Deus…

    A escultura da serpente em bronze foi feita para nosso bem e você afirma que não…

    Ela foi destruída única e exclusivamente por culpa do próprio homem, ao desviar a reta intenção dela…

    Você afirma que os doze bois do templo de Deus construído pelo rei Salomão são ídolos…

    Você afirma que os querubins que enfeitavam a Arca da Aliança eram ídolos, porque os antigos veneravam (e não adoravam) a Arca com os ?ídolos? e tudo…

    Você afirma que os querubins de cima do propiciatório são ídolos, mesmo Deus prometendo falar no meio deles (Ex 25,22)…

    Você afirma que os primeiros cristãos são idólatras, pois a arqueologia encontrou imagens, incluindo a da Virgem Maria, separadas para o culto a Deus, nas antigas catacumbas…

    Você afirma que os primeiros cristãos adoravam outros deuses, pois eles já acreditavam na intercessão dos santos, como nos provam os escritos deles, chamados patrísticos, como podemos ver no seguinte estudo do irmão Alessandro, da Ictis:

      Como os verdadeiros cristãos de hoje, os cristãos dos primeiros séculos eram acusados de idolatria por venerarem os Santos. Mas, em vez dos grupos heréticos (que tanto se difundiram após o século XVI), quem propagava esta mentira era o rabinismo judaico, isto é, os judeus que não abraçaram a fé cristã.

      Talvez o primeiro texto que dá testemunho da veneração dos santos como ainda nós católicos praticamos hoje, com honra, homenagem, celebração dos heróis e modelos da fé, seja a Carta que a Igreja de Esmirna enviou à Igreja de Filomélio, narrando o Martírio de São Policarpo (Bispo de Esmirna e discípulo do Apóstolo São João). Este documento de meados do segundo século é o texto hagiográfico mais antigo que se tem notícia.

      A Carta nos dá testemunho que após o martírio de São Policarpo, os cristãos de Esmirna tentaram conseguir a posse de seu corpo, para dar ao mártir um sepultamento adequado. Mas, foram impedidos pelas autoridades que eram influenciadas pelos judeus rabínicos, que diziam que os cristãos queriam o corpo de São Policarpo para adorá-lo como faziam com Cristo.

      Na carta é interessante o comentário que os cristãos de Esmirna fazem por causa da ignorância que os judeus tinham sobre a diferença da adoração que os cristãos prestavam somente a Nosso Senhor Jesus Cristo e a veneração prestada aos Santos. Semelhantes a nós católicos dos últimos séculos, os católicos do passado escreveram: “Ignoravam eles que não poderíamos jamais abandonar Cristo, que sofreu pela salvação de todos aqueles que são salvos no mundo, como inocente em favor dos pecadores, nem prestamos culto a outro. Nós o adoramos porque é o Filho de Deus. Quanto aos mártires, nós os amamos justamente como discípulos e imitadores do Senhor, por causa da incomparável devoção que tinham para com seu rei e mestre. Pudéssemos nós também ser seus companheiros e condiscípulos!” (Martírio de Policarpo 17:2 +- 160 D.C).

      E mais adiante esta importantíssima prova da fé primitiva, dá testemunho do costume que a Igreja tinha em guardar uma data, para celebrar a memória dos Santos, como Ela faz até hoje: “Vendo a rixa suscitada pelos judeus, o centurião colocou o corpo no meio e o fez queimar, como era costume. Desse modo, pudemos mais tarde recolher seus ossos [de Policarpo], mais preciosos do que pedras preciosas e mais valiosos do que o ouro, para colocá-lo em lugar conveniente. Quando possível, é aí que o Senhor nos permitirá reunir-nos, na alegria e contentamento, para celebrar o aniversário de seu martírio, em memória daqueles que combateram antes de nós, e para exercitar e preparar aqueles que deverão combater no futuro.” (Martírio de Policarpo 18 +- 160 D.C)

      Como disse Nosso Senhor Jesus Cristo: “Quem tiver ouvidos para ouvir, que ouça”.

Veja também  Um diálogo fictício sobre o purgatório.