Categoria -Apologética

1. – Definição: – Etimologicamente, a palavra apologética (do grego “apologéticos”, apologia) significa justificação, defesa. Apologética é, pois, a justificação e defesa da fé católica.
2. – Objeto – A apologética tem dois fins:
a) Justificação da fé católica. Considerando a religião no seu fundamento (isto é, no fato da revelação cristã, de que a Igreja Católica se diz a única depositária fiel), a apologética expõe os motivos de credibilidade que provam a sua existência. Deve portanto resolver este problema: havendo neste mundo tantas religiões, qual será a verdadeira? Ora o apologista católico sustenta que só a sua fé é verdadeira, e que o é na realidade; deve, pois, provar esta asserção. Este primeiro trabalho constitui a apologética demonstrativa ou construtiva.
b) Defesa da fé católica. A apologética não só apresenta os títulos que tornam a Igreja Católica credora da nossa adesão, mas também enfrenta os adversários, respondendo aos seus ataques. E, como os ataques variam com as épocas, segue-se que deve evolucionar e renovar-se incessantemente, pondo de parte as objeções antiquadas e apresentando-se no campo escolhido pelos adversários, para os combates da hora presente. Sob este segundo aspecto, a apologética tem um caráter negativo, e chama-se apologética defensiva.
(fonte: BOULENGER, AManual de Apologética. Resumido e Adaptado por G. P. Porto: Livraria Apostolado da Imprensa, 1955. Pgs 6-7).
Clique aqui para ler os artigos desta seção no antigo site.