Leitor pergunta sobre "pregar jesus" e não igreja...

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

[Leitor autorizou a publicação de seu nome no site]

Nome do leitor: Brito

Cidade/UF: Garanhuns

Religião: Católica

Mensagem

========

Gostaria de saber o que significa esse termo, Já que alguns protestantes dizem que não pregam religião e sim a Bíblia (Jesus Cristo).

Devo seguir religião ou Igreja? Gostaria de uma explicação sobre os dois temas, já que por diversas vezes escuto os nossos irmãos separados dizer eu prego a bíblia não religião. Eu anuncio Jesus Cristo e não sigo doutrinas de homens. Também queridos irmãos, tenho um amigo que se diz católico e que falou que a Igreja é muito dogmática, ele disse não concordar com isso. Gostaria de poder fazê-lo entender a questão dos dogmas; para isso preciso da vossa ajuda. Peço que envie algum material de estudo para que eu possa apresentar a ele.

 

Caro Brito,

Que a graça e a paz de Nosso Senhor e salvador Jesus Cristo esteja conosco!

Os protestantes tem uma visão distorcida da realidade da Igreja. Para eles, a Igreja é uma mera comunidade de cristãos, sem caráter sacramental, dessa forma, para justificar essa multiplicidade de comunidades (igrejas), eles afirmam não pregar uma religião, igreja, mas Jesus Cristo.

É de se notar que os protestantes estão em tremenda contradição! Em primeiro lugar, o termo Religião não se restringe ao cristianismo, religião vem de “religare”, significando em última instancia a re-ligação do homem para com Deus, existindo assim uma infinidade de religiões que “dizem cumprir” essa missão. Por amor à Verdade, cumpre-nos informar que a Religião por excelência é o Cristianismo, e dentro deste, a Única Igreja verdadeira, aquela que possui a plenitude da Revelação divina é a Igreja Católica Apostólica Romana! E por que somente a Igreja Católica Apostólica Romana é a verdadeira? Porque quem a fundou, quem a estabeleceu foi Nosso Senhor Jesus Cristo! Portanto, quem a ilumina é o Espírito Santo!   

“E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela. Eu te darei as chaves do Reino dos céus: tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.” (Mt 16,18-19) [destaque nosso]

Em segundo lugar, não se pode separar Cristo e Sua Igreja, não se pode separar a Cabeça (Cristo) de seu Corpo (a Igreja), como querem os protestantes...

“Indubitavelmente, sem Cristo não há cristianismo. Contudo, acontece que na Bíblia ocorre uma realidade muito clara: uma vez que Jesus Cristo se encarnou e fundou sua Igreja, não podemos mais separar a realidade de Cristo da realidade da Igreja. A Palavra de Deus é clara neste ponto: a Igreja é o Corpo de Cristo (Cl 1, 18). Diz mais: a Igreja é a Sua Plenitude (Ef 1, 23). Quem persegue a Igreja, persegue o Cristo (At 9, 1-6) e, caso a relação não esteja suficientemente nítida, podemos perceber que a relação entre Cristo e a Igreja é um mistério, ao qual São Paulo compara o mistério da união entre o homem e a mulher (Ef 5, 31-32)” [Revista Pergunte e Responderemos, SEPARAR CRISTO E IGREJA?  (Testemunho de um ex-protestante)]

Outro sério problema protestante é saber como eles conseguem a proeza de pregar a “Bíblia“ sem a Igreja? Ora, quem conhece um mínimo de História da Igreja, sabe que a Igreja é anterior aos escritos do Novo Testamento, quando o Evangelho de Mateus foi escrito, por exemplo, a Igreja já contava com aproximadamente 50 (cinqüenta anos) de evangelização... Em outras palavras, a Igreja “berçou a Bíblia”, foi a Igreja que estabeleceu o cânon da Bíblia e não a Bíblia que estabeleceu a Igreja. Sem a Igreja, a Bíblia não existiria... Portanto, os protestantes que enchem o peito para dizer que pregam a “Bíblia” e não a Igreja, sem saber ou de má fé, ao crerem na Bíblia, estão crendo no fruto da Sagrada Tradição da Igreja Católica Apostólica Romana (note-se entretanto, que no tocante ao Antigo Testamento, os protestantes fizeram a “proeza” de retirar alguns livros, para eles “não inspirados”) 

São Paulo afirma com todas as letras, a Igreja é coluna e sustentáculo da verdade!

“Todavia, se eu tardar, quero que saibas como deves portar-te na casa de Deus, que é a Igreja de Deus vivo, coluna e sustentáculo da verdade.” (I Tim 3,15) [destaque nosso]

Separando Cristo da Igreja, os protestantes indubitavelmente pregam doutrinas humanas! Visto que a Igreja é a coluna e sustentáculo da verdade, é na Igreja que a sã doutrina é preservada de geração em geração, iluminada pela ação do Espírito Santo! A Igreja não surgiu no século XVI com os protestantes, a Igreja existe desde que Cristo a estabeleceu, no século I

 "O patrimônio sagrado" da fé ("depositum fidei"), contido na Sagrada Tradição e na Sagrada Escritura, foi confiado pelos apóstolos à totalidade da Igreja. "Apegando-se firmemente ao mesmo, o povo santo todo, unido a seus Pastores, persevera continuamente na doutrina dos apóstolos e na comunhão, na fração do pão e nas orações, de sorte que na conservação, no exercício e na profissão da fé transmitida se crie uma singular unidade de espírito entre os bispos e os fiéis." (Catecismo da Igreja Católica § 84)

Sobre seu amigo que se diz “católico”, mas, não concorda com os dogmas da Igreja, é preciso que ele entenda que “os dogmas de nossa fé não são cadeias [prisões], ao contrário, são janelas que se abrem ao infinito” (1)

“O Magistério da Igreja empenha plenamente a autoridade que recebeu de Cristo quando define dogmas, isto é, quando, utilizando uma forma que obriga o povo cristão a uma adesão irrevogável de fé, propõe verdades contidas na Revelação divina ou verdades que com estas têm uma conexão necessária. Há uma conexão orgânica entre nossa vida espiritual e os dogmas. Os dogmas são luzes no caminho de nossa fé que o iluminam e tornam seguro. Na verdade, se nossa vida for reta, nossa inteligência e nosso coração estarão abertos para acolher a luz dos dogmas da fé. Os laços mútuos e a coerência dos dogmas podem ser encontrados no conjunto da Revelação do Mistério de Cristo. "Existe uma ordem ou 'hierarquia' das verdades da doutrina católica, já que o nexo delas com o fundamento da fé cristã é diferente." (Catecismo da Igreja Católica § 88-90) [destaque nosso]

O dogma nada mais é do que a certeza da verdade, por isso, a Igreja o afirma, para que ninguém caminhe no erro. E a Igreja o afirma iluminada pelo Espírito Santo, pois, tem por cabeça o próprio Cristo! Quem não crê nos dogmas de fé estabelecidos pela Igreja não pode ser Católico, pois trilha o caminho errado! Já dizia São Paulo: “Repito aqui o que acabamos de dizer: se alguém pregar doutrina diferente da que recebestes, seja ele excomungado!” (Gl 1,9) [destaque nosso]    

Para aprofundamento recomendo que pesquise sobre o assunto em nosso ÍNDICE TEMÁTICO DO VERITATIS SPLENDOR. Peço suas orações por nosso apostolado, a fim de que possamos continuar firmes nessa missão de propagar a sã doutrina da Igreja!

In caritate Christi,

Leandro.

_______________________

Nota

(1) AQUINO, Felipe. Falsas doutrinas seitas e religiões. 2ªEd. Lorena – SP: Cléofas, 2002, p.23. [citação do Card. Ratzinger]  

Artigos relacionados

O Cânon Bíblico

O Cânon Bíblico

Leia "O Cânon Bíblico" e aprenda como a Bíblia teve origem e foi formada.

Adquira o seu

O Dom de Línguas

O dom das linguas

"O Dom de Línguas" é uma obra que apresenta a doutrina tradicional sobre este incrível dom carismático.

Adquira o seu

A Graça e Salvação

A Graça, a Fé, as Obras e a Salvação

"A Graça, a Fé, as Obras e a Salvação" aborda a difícil temática sobre o valor das obras para a salvação. Nela o autor, analiza a doutrina de Lutero (salvação somente pela fé) à luz da própria Bíblia.

Adquira o seu

Em Defesa da Fé Católica

A Graça, a Fé, as Obras e a Salvação

Atendendo ao chamado de S. Pedro que nos exorta a dar de bom grado a razão de nossa fé (cf. 1Pd 3,15-16), o autor apresenta uma completa defesa dos principais pontos controversos da doutrina católica.

Adquira o seu

Newsletter

Assine nossa newsletter e receba nossas atualizações em seu email.

Contacte-nos

Se desejar entar em contato, utilize as formas abaixo:

Siga-nos

Nós estamos nas redes sociais.

QRCode

QR Code
Você está aqui: Início Espaço do Leitor Leitor pergunta sobre "pregar jesus" e não igreja...