Espaço do Leitor

Leitor pergunta sobre imagens e orações aos santos

Pergunta

Sou católico, praticantes, vou a missa quase todos os domingos, acredito em Jesus, acho a mensagem que ele deixe à humanidade dîvina. Por outro lado adoro ler a biblia, acho os ensinamentos contidos nela também divino, e um destes, é o de não adorarmos nenhuma imagem, feita pelo homem de madeira ou barro, isto foi uma ordem insistentemente dada por Deus a todos os homens, e por diversas vezes, inclusive resultando na ira do Senhor por algumas vezes. Não me lembro de ter visto em qualquer dos livros que compoem o antigo ou o novo testamento uma contra ordem de Deus.

Então fico intrigado como a Igreja Católica, que eu tanto amo e respeito, admite, coordena e estimula, a adoração de imagens, como as ocorridas nas festas do santos e recentemente na festa de Nossa Senhora Aparecida, e indubtavelmente são imagens de adoração, com milhares talvez, centenas de milhares de pessoas, chorando, rezando, agradeçendo e pedindo à imagem. Deus foi muito claro quando disse no livro sagrado, que todos os nossos pedidos deveriam ser dirigidos diretamente a ELE. Gostaria que alguém me explicasse isto.

Carlos Alberto Cardoso Braga

Resposta

Prezado Carlos Alberto, a Paz de Cristo.

Achei a sua mensagem generalista demais. É verdade que não poucas vezes a devoção popular se excede e acabamos constatando as distorções que você identificou. Porém, daí dizer que as imagens que estão nas festas dos Santos são “idubtavelmente” imagens de adoração é um tanto demais.

Nem nosso artigo “Apologia à Veneração dos Santos no Cristianismo Primitivo”  você verá que deste os tempos mais remotos é um costume da Antiga Igreja celebrar os Santos, celebrar a memória dos verdadeiros modelos na Fé.

Veja também  Reflexões sobre a história da queda do homem (gn 3,1-24)

A presença da Imagem é algo para nos lembrarmos do Modelo na Fé (Santo), assim como usamos uma foto para nos lembrar-mos de alguém querido.

Também é fé Antiga da Igreja que os Santos podem receber nossas orações e interceder por nós junto a Deus (Ap 8,3-4). Por isso fazemos procissões, e pedimos aos Santos suas orações a Deus por nós. Pois já que estão na presença de Deus, podem interceder por nós.

Mas, infelizmente esta prática justa e piedosa e antiga da Igreja, muitas vezes acaba virando bagunça, por falta da catequese devida de muitos padres.

Devemos tomar cuidado para não fazer como os Farizeus que para evitaram e o pecado do Povo, instutíam leis mais severas que a Lei de Deus. Devemos ajudar o nosso povo a praticar a fé de forma correta, e não abolir uma prática justa por causa de excessos (“o abuso não tole o uso”). Rezemos pelos nossos sacerdotes.

Você afirma que Deus foi muito claro quando disse no livro sagrado, que todos os nossos pedidos deveriam ser dirigidos diretamente a ELE“. Onde isto se encontra? Será que você está se refereindo a Mt 6,5-6? Aqui Cristo nos manda orar ao Pai não como fazem os hipócritas, mas orar em reservado. Cristo não ensina que devemos orar somente ao Pai. Quando oramos aos Santos pedimos para que eles encaminhem nosso pedido a Deus, e não porque achamos que eles têm poder de realizá-los, poder este que é só de Deus. Se eu posso pedir a um irmão que ore por mim, porque não posso pedir a um Santo que está na presença de Deus?

Veja também  Notificação sobre alguns escritos do pe. marciano vidal

Espero ter ajudado.