O historiador romano Suetônio, em sua obra “Vida dos Doze Césares” XXV,4 (por volta de 120 dC), alude à expulsão dos judeus de Roma (conforme lemos em At 18,2) ocorrida em 41 dC, na época do imperador Cláudio.

O decreto de expulsão seria, segundo ele, resultado dos constantes distúrbios ocorridos nas comunidades judaicas em Roma em virtude de Cristo, o que, de fato, concorda com o Novo Testamento, onde vemos que os discípulos de Jesus, no princípio, pregavam o Evangelho nas sinagogas. É também o testemunho da presença do Evangelho em Roma oito anos após a crucificação de Jesus!

* * *

“Como os judeus, à instigação de Cresto[1], não deixassem de provocar distúrbios, [o imperador Cláudio] expulsou-os de Roma.”

_________
NOTA:
[1] Ou seja, Cristo.

Facebook Comments

Livros recomendados

Por Trás da MáscaraA senhoriaO Inferno e Seus Tormentos