Certamente! O Pai não é o Filho e o Filho não é o Pai; e o Pai e o Filho não são o Espírito Santo e vice-versa (cf. João 8,16; 15,26). No entanto, o Pai é Deus; o Filho é Deus e o Espírito Santo é Deus (cf. João 1,1; 2,20; Atos 5,4; 1Coríntios 12,4-6).

Facebook Comments

Livros recomendados

Recordações sobre Mons. EscriváOrdemA Selva – Sobre o Sacerdócio