Archives for Blog de Carlos Martins Nabeto - Page 3

Reflexão Patrística – “Os sofrimentos e a glória dos Mártires” (São João Crisóstomo, +403)

"Consideremos a sabedoria de Paulo. O que ele diz? 'Eu entendo que os sofrimentos do tempo presente nem merecem ser comparados com a glória que deve ser revelada em nós'…
Leia mais...

Reflexão Patrística – “Maria concebeu primeiro em seu espírito e, depois, em seu corpo” (Papa São Leão I Magno, +461)

"Uma virgem da descendência real de Davi foi escolhida para a sagrada maternidade: iria conceber um filho, Deus e homem, primeiro em seu espírito, e, depois, em seu corpo. E…
Leia mais...

Reflexão Patrística – “Nada absolutamente prefiram a Cristo” (São Bento de Núrsia, +547)

"Antes de tudo, quando quiseres realizar algo de bom, pede a Deus com oração muito insistente que seja plenamente realizado por Ele, pois já tendo se dignado contar-nos entre o…
Leia mais...

Reflexão Patrística – “A glória de Deus é o homem vivo; e a vida do homem é a visão de Deus” (Santo Ireneu de Lião, +202)

"O esplendor de Deus dá a vida. Consequentemente, os que veem a Deus recebem a vida. Por isso, Aquele que é inacessível, incompreensível e invisível, torna-Se compreensível e acessível para…
Leia mais...

Reflexão Patrística – “Voz do que clama no deserto” (Santo Agostinho de Hipona, +430)

"A Igreja celebra o nascimento de João como um acontecimento sagrado. Dentre os nossos antepassados, não há nenhum cujo nascimento seja celebrado solenemente. Celebrando o de João, celebramos também o…
Leia mais...

Reflexão Patrística – “Tende fé em Cristo e caridade” (Santo Inácio de Antioquia, +107)

"Esforçai-vos por vos reunir mais frequentemente para dar graças a Deus e louvá-Lo, pois quando vos congregais com maior frequência, as forças de Satanás são abaladas e, pela concórdia da…
Leia mais...

Reflexão Patrística – “Pastor solícito, vigilante sobre o rebanho de Cristo” (São Bonifácio da Germânia, +754)

"A Igreja é como uma grande barca que navega pelo mar deste mundo. Sacudida nesta vida pelas diversas ondas das tentações, não deve ser abandonada a si mesma, mas governada.…
Leia mais...