Os judeus, derivados do farisaísmo, dividem o Antigo Testamento (ou “Tanakh”) em 3 partes, contendo ao todo 24 livros:

1ª Parte) A “Lei” (ou “Torah”, em hebraico), com 5 livros: Gênesis, Êxodo, Números, Levítico e Deuteronômio.

2ª Parte) Os “Profetas” ou “Revelação” (ou “Nebi’im”, em hebraico), com 8 livros: Josué, Juízes, Samuel, Reis, Isaías, Jeremais, Ezequiel e os “Doze” (isto é, Oseias, Joel, Amós, Abdias, Jonas, Miqueias, Naum, Habacuc, Sofonias, Ageu, Zacarias e Malaquias).

3ª Parte) Os “Escritos”, “Hagiógrafos” ou “Sabedoria” (ou “Ketubim”, em hebraico), com 11 livros: Salmos, Jó, Provérbios, Rute, Cântico dos Cânticos, Eclesiastes, Lamentações, Ester, Daniel, Esdras+Neemias, Crônicas.

Facebook Comments

Livros recomendados

Ordo Missae – Ordinário da Santa MissaOrar com os SalmosJogando Para Ganhar – teoria e prática da guerra política