A Igreja Católica classifica as relíquias em três graus, conforme ordem de maior a menor importância:

– 1º Grau: parte do corpo (tais como ossos, unhas, cabelo, sangue etc.);

– 2º Grau: objetos de uso pessoal do santo (tais como roupas, cajados, crucifixos etc.);

– 3º Grau: objetos que apenas eventualmente tocaram o corpo do santo (lenços, pedaços de pano etc.).

Facebook Comments

Livros recomendados

José, o silenciosoBernardo de Claraval – Testemunha do seu tempo perante DeusA Educação Superior e o Resgate Intelectual – O Relatório de Yale de 1828