Persuadido da inocência de Jesus, Pilatos tomou uma decisão indigna de um juiz: mandou açoitar severamente a Jesus Cristo, com esperanças de que isto aplacasse a fúria da multidão ali reunida, suscitando ainda um sentimento de compaixão. Jesus foi então desnudado e cruelmente açoitado pelos soldados romanos, sendo ainda moralmente ofendido. Jesus sofreu tudo sem dizer uma só palavra. Após isto, Pilatos tornou a apresentar Jesus à multidão, esperando que esta agora aceitasse a sua libertação.

Facebook Comments