Jesus é, inseparavelmente, verdadeiro Deus e verdadeiro homem, na unidade da sua Pessoa divina. Ele, o Filho de Deus, que é «gerado, não criado, consubstancial ao Pai», fez-se verdadeiramente homem, nosso irmão, sem com isto deixar de ser Deus, nosso Senhor.

Facebook Comments

Livros recomendados

Cientistas de BatinaDevocionário à Divina Misericórdia –  Vol. IIO Canto do Violino – E Outros Ensaios Inéditos