Quando a Bíblia diz que Deus é sábio, justo etc. é claro que o faz metaforicamente. Deus possui as perfeições humanas em grau infinito e não possui imperfeição alguma. A diferença com o homem é, portanto, infinita. Aliás, é o limite da inteligência humana que faz enxergar em Deus diversas perfeições, quando na realidade o que se tem é a própria Natureza divina.

Facebook Comments

Livros recomendados

Estudos sobre o amorA cólera dos imbecis – Cartas de um terráqueo ao Planeta Brasil – Volume XIdéias e Crenças