Consiste na condenação eterna daqueles que, por escolha livre, morrem em pecado mortal. A pena principal do inferno é a eterna separação de Deus, o único em quem o homem encontra a vida e a felicidade para que foi criado, e a que aspira. Cristo exprime esta realidade com as palavras: «Afastai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno» (Mateus 25,41).

Facebook Comments

Livros recomendados

O Diabo na HistóriaO capital: Livro 3 – O processo global de produção capitalista (Vol. 5)Jogando Para Ganhar – teoria e prática da guerra política