[Leitor autorizou a publicação de seu nome no site]

Nome do leitor: Paulo Luis Schneider

Cidade/UF: São Martinho – RS

Religião: Católica

Mensagem

========

Gostaria de saber onde consigo liturgia para missa jovem, ou missa estilo do Padre Marcelo Rossi

Caro Paulo Luis,
Primeiramente desculpe-nos pela demora na resposta, causada pelo grande volume de mensagens que recebemos, e pelo fato de sermos apenas leigos engajados, realizando este apostolado voluntariamente, por amor à Igreja, em meio a nossas atividades cotidianas.

Caro Paulo, o Missal Romano prevê liturgias especiais para celebração com crianças. Não há uma liturgia específica para uma Missa voltada para jovens. A liturgia é a mesma habitual. O que pode existir é a inclusão ou modificação de certos elementos, onde isso seja permitido pela liturgia, para que certo público possa participar de maneira mais plena, de acordo com seus costumes ou cultura.

Embora o Missal Romano permita certa criatividade, em prol de uma inculturação (adaptação a outra cultura) que permita melhor compreensão e participação nos variados costumes locais, nunca se deve perder de vista o fato de que tais adaptações criativas devem estar subordinadas à unidade e utilidade para a Igreja:

“A norma estabelecida pelo Concílio Vaticano II, segundo a qual as inovações na reforma litúrgica não se façam a não ser que a verdadeira e certa utilidade da Igreja o exija e tomando a devida cautela de que as novas formas de um certo modo brotem como que organicamente daquelas que já existiam, também devem aplicar-se à inculturação do próprio Rito Romano(…)” (Instrução Geral do Missal Romano, nº 398).

A partir do que foi exposto, alertamos para que você, no afã de trazer para a Missa (nos momentos em que isso é permitido) elementos que possam “agradar” aos jovens, não acabe por cometer abusos litúrgicos. Evite músicas não-litúrgicas, estilos musicais não condizentes com a dignidade da celebração, excesso de comentários, etc. Lembre-se que a melhor catequese é uma liturgia bem celebrada.

Para orientá-lo mais ainda, recomendamos vivamente a leitura dos seguintes artigos:

* PRINCIPAIS REGRAS LITÚRGICAS DESOBEDECIDAS NO BRASIL

https://www.veritatis.com.br/article/3595

* IGMR(INSTITUTIO GENERALIS MISSALIS ROMANI)

https://www.veritatis.com.br/article/776

A liturgia da Forma Ordinária da Missa pode ser encontrada no link abaixo:

* ORDINÁRIO DA MISSA (NOVUS ORDO, MISSAL DE PAULO VI), disponível em: https://www.veritatis.com.br/article/4028.

Caso você deseje preparar um livrinho para que a assembléia possa acompanhar a Missa, poderá utilizar o Ordinário acima. Basta que retire as letras vermelhas, que são orientações apenas para o sacerdote, e que inclua as orações e leituras próprias do dia específico da celebração.

Existem, porém, guias já prontos para utilização da assembléia, e que podem ser encontrados em folhetos litúrgicos de grandes editoras católicas.

A escolha das partes móveis da Missa (orações e leituras) deve ser pautada no calendário litúrgico. Deve-se utilizar a liturgia do dia em que cair a Missa, embora o Missal Romano e o Lecionário Romano prevejam Missas especiais, como, por exemplo, Missas de Nossa Senhora. A Missa é um ato de toda a Igreja, jamais é particular. A utilização de orações e leituras especiais dependerá de autorização do responsável eclesiástico local. Jamais se pode “criar” novas orações, ou escolher leituras a esmo, ou ainda retirar do Missal e do Lecionário as orações e leituras que bem se entende.

Esperamos tê-lo orientado da melhor forma possível, e esperamos que a Missa jovem dê bons frutos.

Em Cristo,

Daniel Pinheiro

Facebook Comments

Livros recomendados

1356Comentário à Metafísica de Aristóteles IX–XII — Volume 3A Nova Era: Jesus Cristo, Portador da Água Viva