O Espírito Santo O conduziu para o deserto, onde permaneceu sem comer por 40 dias e 40 noites, passando todo esse tempo em retiro e oração. Tendo permanecido em jejum por tão longo tempo, teve fome e então Deus Pai permitiu que Ele fosse tentado pelo diabo. No entanto, permanecendo fiel à Palavra de Deus, confundiu o tentador e este se retirou, vindo então os Anjos para servi-lo (cf. Mateus 4).

Facebook Comments

Livros recomendados

Desconstruindo Paulo FreireJosé, o silenciosoBriggflatts