Juntamente com os seus discípulos, atravessou o arroio do Cedron, onde Davi – que prefigurava Cristo no Antigo Testamento – havia também atravessado a pé com suma tristeza, quando fugia do seu filho Absalão, o qual havia se rebelado contra ele. Após atravessar esse arroio, subiu ao Monte das Oliveiras, muito próximo da cidade de Jerusalém. Estando ali, retirou-Se para um lugar conhecido como “horto do Getsemani”, para onde sabia que haveria de acorrer Judas com os soldados das autoridades religiosas dos judeus a fim de prendê-Lo. Então separou-se dos seus discípulos, levando consigo somente Pedro, Tiago e João – as testemunhas da sua Transfiguração -, a quem recomendou que orassem e vigiassem. E separando-Se também destes, foi orar sozinho ao Seu Pai.

Facebook Comments

Livros recomendados

Confirmação (Coleção Sacramentos)A Educação Superior e o Resgate Intelectual – O Relatório de Yale de 1828Desconstruindo Paulo Freire