A título de curiosidade, divulgamos notícia de O Estado de São Paulo, de 10 de junho de 1999, sobre os lugares mais católicos do mundo:

A República de San Marino e o arquipélago francês de São Pierre e Michelon são os locais “mais católicos do mundo” e superam em porcentagem a Itália, Brasil e México. Os dados, que aparecem na nova edição do Anuário Estatístico do Vaticano, foram divulgados ontem. Conforme o documento, 99,83% dos 26 mil habitantes de San Marino foram batizados e 99,36% dos 6 mil residentes do arquipélago francês, uma série de ilhas localizadas perto da Província canadense de Terra Nova, são fiéis da Igreja Católica. Outro arquipélago francês, Wallis e Futuna, perto de Samoa aparece em 3º lugar com 99,02% de católicos batizados, entre 150 mil habitantes.

Acrescentamos outras informações que possuímos: aproximadamente 925 milhões de pessoas são católicas, de modo que um em cada seis habitantes do planeta professam o Catolicismo. Trata-se, pois, da maior religião, seguida logo atrás pelo islamismo, com mais de 800 milhões de seguidores. No entanto, é de se considerar que os muçulmanos estão dividios em vários grupos, não formando uma unidade. Como tal, em se tratando de Cristianismo, poder-se-ia também acrescentar os mais de 250 milhões de ortodoxos e mais de 500 milhões de protestantes.

Mas voltando ao Catolicismo, e mais especificamente na Europa, sem contar os países minúsculos, tem-se a Irlanda como a nação de maior frequência a Missa (21% dos fiéis asssistem a Missa todo Domingo). Por sua vez, a Espanha é o país que mais envia missionários pelo mundo.

A propósito, na aurora do Jubileu do Ano 2000, ainda faltam bilhões de pessoas conhecerem o Verdadeiro Deus e Sua Igreja. Há mais para se trabalhar do que para comemorar!

Facebook Comments

Livros recomendados

Cientistas de BatinaEsta Poesia e Mais OutraCurar-se Para Ser Feliz