A liturgia, ação sagrada por excelência, constitui o cume para onde tendem todas as ações da Igreja e, simultaneamente, a fonte donde provém toda a sua força vital. Através da liturgia, Cristo continua na sua Igreja, com ela e por meio dela, a obra da nossa redenção.

Facebook Comments

Livros recomendados

O trabalho intelectual e a vontade – continuação de “A educação da vontade”A quedaA Idade Média e o dinheiro: Ensaio de uma antropologia histórica