Apologética Bíblia - Tradição - Magistério Protestantismo

Somente a Bíblia?

Written by Veritatis Splendor

Comecemos com a pergunta: “Qual é a coluna e o fundamento da verdade?” Se acreditarmos que a Bíblia é a infalível palavra inspirada de Deus, poderemos olhar 1Timóteo 3,15 e aqui descobrimos que a coluna e o fundamento da verdade é a Igreja.

A maioria dos cristãos não-católicos acredita que a Bíblia é a única regra de fé. Essa foi uma das reivindicações de Martinho Lutero quando se separou da Igreja Católica, ou seja: a reivindicação da “Sola Scriptura”. Os católicos, no entanto, sempre aceitaram a autoridade de ensino da Igreja juntamente com a Bíblia como fundamentos para a nossa fé.

Mas como os católicos chegaram a esta posição?

Bem, eles realmente não chegaram a isso, simplesmente viveram desde o início da Igreja. Talvez uma breve perspectiva histórica seja útil para entender isso.

No artigo “A Bíblia é inspirada?“, vimos que os livros do Novo Testamento não foram de fato reunidos como uma Bíblia completa até aproximadamente o ano 400 d.C. Portanto, sabemos que os primeiros cristãos não tiveram acesso à Palavra escrita. Sabemos também que até a invenção da imprensa, em 1450, a Bíblia não era acessível para a maioria das pessoas devido à trabalhosa tarefa de se fazer cópias manualmente. E não foi senão há pouco tempo que os fiéis cristãos foram suficientemente educados para poderem ler a Bíblia!

Então, como a Fé cristã foi transmitida aos fiéis durante esse período de tempo, quando o acesso à Bíblia era bem limitado?

A resposta é que praticamente todo ensino durante esse tempo foi realizado através de instruções orais, confiando-se na autoridade de ensino da Igreja para a adequada interpretação das Escrituras e para a transmissão da Tradição Apostólica.

A própria Bíblia é bastante clara quanto ao significado de “Tradição” (ver João 21,25; 2Timóteo 2,2; 2Tessalonicenses 2,15 e 1Coríntios 11,2). Visto que essas referências das Escrituras, juntamente com muitas outras, se referem tanto à tradição [oral] quanto à palavra falada, DEVEM ser integradas ao conceito cristão de “Revelação”. Como a Palavra de Deus não pode se contradizer, a única opção que temos, como cristãos que cremos na Bíblia, é aceitarmos tanto a Tradição quanto as Escrituras como  fontes de nossa fé.

Facebook Comments

Livros recomendados

A Virgem Nossa SenhoraA Cura das Feridas SexuaisSuma Contra os Gentios

About the author

Veritatis Splendor