Não, pois seus vizinhos, os samaritanos, movidos pela inveja, tentaram a todo custo impedir que o Templo fosse reerguido. Obtiveram assim um edito do rei Cambises, filho de Ciro, que obrigava os judeus a suspender a obra. Foi apenas no 7º ano do reinado do rei Artaxerxes Longimano – isto é, entre 60 e 70 anos de paralisação das obras – que os judeus obtiveram permissão para reedificar as muralhas de Jerusalém e o seu Templo, sob a guia do Profeta Neemias (cf. Esdras 4; 5; 6; Neemias 2; 3; 4; Daniel 10; Ageu 1).

Facebook Comments

Livros recomendados

A Selva – Sobre o SacerdócioO Diabo na HistóriaOs Mártires de Hoje