Cristo confiou os sacramentos à sua Igreja. Eles são “da Igreja” em um duplo sentido:

– enquanto ação da Igreja, que é sacramento da ação de Cristo; e

– enquanto existem “para ela”, ou seja, enquanto edificam a Igreja.

Facebook Comments

Livros recomendados

Os anjos na vida dos santosPolitização da Bíblia – As raízes do Método Histórico-Crítico e a secularização da Escritura (1300-1700)Há um Outro Mundo