Espaço do Leitor

Leitor pergunta sobre joão eck

Gostaria de informações sobre John Eck, que confrontou Carlostadt e Lutero em Leipzig, pois li em uma enciclopédia que, malgrado seus grandes serviços à Igreja, ele tinha algumas convicções religiosas heterodoxas ao Cristianismo.

Caro Leitor, inicialmente obrigado pela mensagem.

Curiosamente Johann Eck se tornou uma figura de imensa importância na história da Igreja, porém muito pouco conhecida por nós americanos.

Johann Eck, para nós João Eck, nasceu na Alemanha, na Suávia, região ao sul da antigamente chamada Alemanha oriental, em 13 de novembro de 1486, veio a falecer em 13 de fevereiro de 1543. Na realidade seu nome era Johann Maier, porém adotou o nome de “Eck”, a forma latinizada de “Egg”, a cidade onde nasceu.

Eck se notabilizou por ser o maior defensor do catolicismo da época contra as inovações protestantes. Veremos que mesmo defendendo, em sua exposição sobre a predestinação, uma posição não aceita pela Igreja, voltou atrás e manteve-se firme na defesa da doutrina católica.

O mais famoso momento do teólogo foi a chamada “disputa de Leipzing”, onde debateu durante dias contra Carlostadt e Martinho Lutero. Porém Eck também participou de outros momentos importantes, como legado a quem coube divulgar a bula Exsurge Domine, onde o Papa Leão X rejeitava 41 das teses de Lutero, foi partícipe católico durante a Dieta de Augsburgo, debateu com Zwinglio acerca das doutrinas protestantes na Conferência de Baden e com Martin Bucer na Dieta de Regensburgo, e foi consultor teológico no Concílio de Trento.

Também é pouco conhecida a tradução de Eck da Sagrada Escritura para o alemão, publicada primeiramente em Ingolstadt em 1537, mas não é a mais famosa de suas obras.

As principais obras de Johann Eck são:

Ludicra logices exercitamenta (1506)

Chrysopassus (1514)

Obelisci (1518)

De primatu Petri (1519)

Excusatio (1519)

De primate Petri adversus Ludderum (1520)

Enchiridion locorum communium adversus Lutherum et alios hostes ecclesiae (1525)

Opera contra Ludderum (1530)

Confutatio pontifícia (1530) – obra também conhecida como as 404 teses de Johann Eck

Ains Juden-büechlins Verlegung (1541)

 

Porém Eck ficou famoso mesmo pelo debate ocorrido em Leipzing, contra os (ainda) amigos Carlostadt e Lutero.

Contra Carlostadt Eck defendeu o livre-arbítrio contra a tese da predestinação pregada por ele e Lutero. Baseou seu discurso na sua obra Chrysopassus, porém nesta obra Eck acabava por defender uma posição semi-pelagiana da graça e do livre-arbítrio. Os semi-pelagianos, contra quem S. Agostinho combateu defendiam que o homem coopera com a graça divina para a salvação, porém o movimento inicial em busca da salvação parte exclusivamente do homem, sem auxílio da graça.

O ensino oficial da Igreja Católica é que “a graça é o primeiro movimento, a graça é o querer, a graça é o agir, mas ela age instigando o homem à justificação” (ver o artigo A SOBERANIA DA GRAÇA É CONTRÁRIA AO LIVRE-ARBÍTRIO?).

Eck teve que, durante a disputa, abandonar esta posição. Porém apesar disso saiu vitorioso contra Carlostadt. A seguir, contra Lutero, o debate fora mais acirrado. Diz-se que Eck, “homem alto e de ombros largos” sacudia-se e suava diante de Lutero, “magro que se dá a contar os ossos”.

Lutero, contam, mantinha-se mais centrado, usando da sua já famosa dialética, e sempre com um ramo de flores ao qual por vezes cheirava. Apesar disso, Eck fez Lutero assumir que aceitava as doutrinas de João Hus como verdadeiras, o que fez com que fosse encerada a disputa e declarado Eck o vitorioso do debate.

João Eck e Martinho Lutero

Johann Eck foi considerado o maior teólogo da sua época, um dos maiores defensores da doutrina católica contra os reformadores. As suas 404 teses condenando os erros protestantes podem ser lidas em (site protestante, em inglês) JOHANN ECK’S 404 THESES, 1530.

Mais detalhes sobre Johann Eck você pode ler no site New Advent, JOAHNN ECK.

Facebook Comments

Livros recomendados

O Banquete do Cordeiro (Cléofas)10 Livros Que Todo Conservador Deve Ler – Mais Quatro Imperdíveis E Um ImpostorA Fé de Ratzinger

About the author

Veritatis Splendor

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.