1. Para que seus Apóstolos tivessem a certeza de que Ele era superior a Moisés e Elias, já que estes apareceram ali na condição de servos, para contribuir com o triunfo do seu Senhor.
2. Para demonstrar que a sua Paixão fôra prefigurada no Antigo Testamento, já que a Lei é representada por Moisés e os Profetas, por Elias.
3. Para que restasse bem claro que as acusações contra Jesus eram falsas e caluniosas, eis que Moisés foi o Ministro da Lei e Elias, o Profeta mais zeloso da Lei.

Facebook Comments

Livros recomendados

Curar-se Para Ser FelizA Selva – Sobre o SacerdócioPara Vencer o Medo e Derrotar o Dragão